Foi-se a época que o grande passeio familiar de todo domingo era visitar um shopping center, comprar algumas roupas e comer na praça de alimentação aquele lanche preferido de muitos. Hoje em dia, as pessoas têm preferido passar o tempo livre em parques, museus e outros espaços que antes ninguém conhecia.

Os shoppings foram idealizados há algumas décadas para serem grandes centros comerciais de compras e também de lazer. Razão disso, é muito comum encontrar cinema, lojas de brinquedos e espaços para crianças em qualquer shopp das grandes cidades. Afinal, o objetivo era manter as pessoas o máximo de tempo dentro desses locais.

Com isso, os idealizadores do shopping conseguiram aumentar suas vendas, já que quanto mais gente no shopping, maiores as chances de vender algo. Porém, isso tudo mudou nos últimos anos, principalmente depois que a internet começou a se popularizar e dominar o mercado de compras de objetos para consumo em todo mundo.

Atualmente na internet é possível encontrar o item que queremos em apenas um clique, de uma maneira muitas mais rápida e fácil do que era quando as pessoas precisavam ir ao shoppings, passar horas andando em lojas até encontrar o tênis ou camiseta que queria, mas esse não é o único motivo dos shoppings físicos estarem falindo.

Custo físico

Muitos proprietários de lojas em shoppings têm relatado o aumento do custo fixo para manter a loja. A cada ano que entra o salário dos funcionários aumenta, os tributos também, além do aluguel e do gasto com água e energia, que não param de subir. Dessa forma, manter uma loja em um shopping se tornou uma tarefa heroica.

Aliado a esses custos, houve uma redução do poder de compra das pessoas, que têm preferido gastar seu dinheiro com promoções na internet ou comprando itens de sites do exterior, que ofertam os mesmos objetos que estão no shopping, por um preço mais barato. Por conta disso, muitas pessoas decidiram fechar suas lojas em shoppings.

Falta variedade

Uma loja física pode ofertar o maior número de tênis que conseguir, porém, nunca vai conseguir competir com as ofertas encontradas na internet. Elas são infinitas e a sensação que o consumidor digital tem é que todos os tênis do mundo estão ali, na sua frente, e podem ser adquiridos em poucos minutos.

Isso acaba prejudicando o funcionamento de muitas lojas físicas que precisam atrair os compradores. Sem conseguir competir com as lojas digitais, essas lojas tendem a fechar em razão do aumento do prejuízo, uma vez que a conta é simples. Insistir nisso pode acabar aumentando a dívida e o buraco.

Deslocamento

Por fim, muitas pessoas têm preferido comprar de casa por conta do deslocamento para fazer compras em shoppings. Ainda que exista muitas famílias, jovens e adolescentes principalmente, que gostem de ir ao shopping para passear, essas pessoas não costumam comprar os produtos, mas sim irem até esses espaços para encontrar com amigos da escola. As pessoas que têm o interesse de gastar acabam ficando em casa e comprando tudo pela internet, cada vez mais e mais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui